Instagram
Crise pede Recursos Humanos estratégico para impulsionar resultados

Há muito tempo se debate a importância das lideranças enxergarem a área de Recursos Humanos de maneira estratégica e como o departamento pode contribuir para alavancar o negócio. Entretanto, diversas organizações ainda têm dificuldade em reconhecer que o papel do RH não deve ser apenas operacional, e sim, integrante das tomadas de decisões das empresas, tornando-se protagonista na melhoria da gestão do capital humano.

Períodos econômicos instáveis, no qual estamos inseridos, tendem a gerar falta de motivação entre o quadro de colaboradores, devido às incertezas que vêm pela frente. Portanto, aproximar o RH do centro dos negócios é essencial, sendo um conector entre a alta liderança e os demais profissionais, fazendo com que todos fiquem na mesma página e compreendam onde a empresa quer chegar.

Para isso, é necessária uma comunicação clara, transparente e eficaz, aliada a sólidos programas de desenvolvimento, como um plano de carreira estruturado, treinamento contínuo de gestores, job rotation e avaliação do clima organizacional, por exemplo. Desta forma, as pessoas “comprarão” a ideia da organização, pois entendendo a direção que a empresa quer seguir se sentirão incluídas no processo, compreendendo o porquê das suas atribuições e importância do seu trabalho, levando ao aumento da produtividade.

 

Leia a reportagem completa em: Segs.com.br

Instagram